agosto 14, 2022
Brasília / DF bairro Setor Sudoeste, Brasil
Saúde

Pressão alta afeta mais as mulheres

Há cinco anos, a comerciante Carina Ferreira de Oliveira (30) se aborreceu no trabalho e começou a sentir tonturas e fortes dores de cabeça. Após investigação médica e confirmação diagnóstica de hipertensão arterial, ela melhorou a alimentação, começou a praticar atividades físicas, passou a evitar situações estressantes e a tomar medicamentos para controle da pressão, entre outras mudanças na rotina.

Read More
X